29 de agosto de 2011

Caso: “Eu não fotografo pessoas feias… por dentro.”


“Eu não fotografo pessoas feias… por dentro.” Essa foi a frase usada por JenniferMcKendrick para justificar sua decisão de não fotografar quatro meninas para o colégio, na Pensilvânia. McKendrick havia sido contratada para tirar fotos de um grupo de adolescentes, mas desistiu de quatro sessões após tomar conhecimento de comentários maldosos feitos pelas meninas no Facebook.


A fotógrafa ainda fez questão de mandar um e-mail para os pais das valentonas cancelando a sessão de fotos com o "printscreen” dos comentários na rede social. 
Em seu blog pessoal, McKendrick contou mais sobre a decisão. “Quero dizer… Como posso passar duas horas com alguém durante uma sessão de fotos tentando fazer ela sair linda sabendo que ela pode fazer coisas tão horríveis? Eu sei que cancelar as fotos não vai fazer com que elas se tornem pessoas melhores, mas eu me recuso a deixar pessoas assim representarem meu trabalho."
Convidada a falar em um canal de TV local, a jovem fotógrafa disse que os comentários haviam sido “perversos”. “Isso vai além de “suas roupas são feias” ou “você é feio, seu cabelo não é legal”. Foi perverso, falava sobre sexualidade. Se você é feio por dentro, lamento, mas eu não tirarei fotos para te fazer bonito por fora… Eu simplesmente não quero fotografar pessoas feias.” – desabafou.
A página de Jennifer McKendrick no Facebook foi inundada de comentários apoiando a decisão. De acordo com o blog da fotógrafa, não houve nenhuma reação negativa à decisão, mas ela está preparada se houver. McKendrick comentou ainda que dois dos pais responderam aos e-mails se desculpando e dizendo estarem surpresos com a atitude das filhas. 

Do techtudo (aqui). 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário